México recebe simpósio sobre interação entre plantas e polinizadores nos trópicos

México recebe simpósio sobre interação entre plantas e polinizadores nos trópicos

12 de julho de 2017

simpósio sobre polinizadore Trends in plant-pollinator interaction in tropics México 2017

Novos estudos sobre diversidade e manejo de agentes polinizadores, incluindo abelhas, beija-flores e morcegos, foram apresentados no simpósio ‘Trends in plant-pollinator interaction in tropics, durante a 54ª reunião da Associação de Biologia Tropical e Conservação (ATBC, na sigla em inglês), em Mérida, México. O evento ainda abordou o serviço de polinização em açaí, tequila e café, e as respostas da ciência para conservação da interação planta-polinizador em ecossistemas naturais e agrícolas.

Organizado pelas pesquisadoras Blandina Felipe Viana (Un. Federal da Bahia – UFBA) e Marcia Motta Maués (Embrapa) – conselheiras científicas da A.B.E.L.H.A. –, o simpósio teve a participação dos pesquisadores brasileiros e mexicanos: Carlos Vergara (Universidad de lãs Américas Puebla), Maria Del Coro (Universidad Nacional Autónoma de México – UNAM), Ricardo Ayala Barajas (UNAM), Juliana Hipólito (UFBA e Universidad de Río Negro) e da Bióloga Begoña Iñarritu.

Simpósio sobre polinizadores Trends in plant-pollinator interaction in tropics México 2017

Todos os trabalhos, realizados em diferentes sistemas e cenários, evidenciaram o impacto positivo das políticas públicas voltadas para a conservação da biodiversidade e da adoção de práticas agrícolas de baixo impacto para a manutenção da diversidade dos polinizadores e das espécies vegetais a eles relacionadas.

Tais resultados somam-se aos de outros estudos, realizados em diversos países, que demonstram que o melhor caminho para alcançar a sustentabilidade agrícola e dos serviços ecossistêmicos é a adoção de práticas que buscam conciliar ações de conservação com produtividade.

Compartilhe: