São Paulo ganhará corredor verde para conscientizar sobre polinizadores

São Paulo ganhará corredor verde para conscientizar sobre polinizadores

11 de maio de 2017

Um corredor verde com espécies nativas será instalado nos arredores do Instituto Biológico (IB-USP), em São Paulo, em iniciativa conjunta entre a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo e diversas instituições ambientais e do município, para conscientizar a população sobre a importância dos agentes polinizadores. A iniciativa em comemoração à Semana Internacional do Meio Ambiente foi apresentada ao secretário Arnaldo Jardim em audiência realizada em seu gabinete no fim de abril, com a presença de representantes das organizações parceiras.O projeto, que será realizado no dia 28 de maio próximo, tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância da manutenção do equilíbrio ambiental, com foco na polinização por insetos. De acordo com Harumi Hojo, pesquisadora do IB, “serão plantadas no mínimo 18 árvores e arbustos com a participação da comunidade e orientação de especialistas”.

Crianças e adultos também poderão visitar o Museu Planeta Inseto, do Instituto, e participar de oficinas gratuitas sobre plantios arbóreos, hortas comunitárias, compostagem e mapeamento afetivo do bairro, entre outros temas. Para mostrar a importância dos insetos não só como produtores de mel, mas também como agentes polinizadores de espécies vegetais, contribuindo na produção de alimentos, também haverá a exposição de abelhas nativas sem ferrão.

Para o secretário de Agricultura e Abastecimento, Arnaldo Jardim, “a iniciativa contribuirá inclusive para a polinização do maior cafezal urbano, situado no Instituto Biológico. Promover uma agricultura harmônica com o meio ambiente é uma das diretrizes do governador Geraldo Alckmin para a Pasta”, afirmou.

Também participaram da reunião os representantes das seguintes organizações parceiras da iniciativa: Antonio Batista, diretor do Instituto Biológico; José Valverde Machado Filho, secretário executivo do Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Consea-SP); Gerson Pinheiro, da SOS Abelhas Sem Ferrão; Marcos Issao, Horta Comunitária da Saúde; Lara Freitas, do Conselho Regional de Meio Ambiente Desenvolvimento Sustentável e Cultura de Paz (Cades) da Vila Mariana e do Projeto Ecobairros; Nina Orlow, secretária-executiva do Movimento Nacional Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS); Sergio Shigeeda, da Agenda 2030 e da Horta Comunitária da Saúde; Juliana Saad, da Agenda 2030; Elisa Rocha, do Cades Vila Mariana; Carlos Fernandes, prefeito regional da Lapa.

Fonte: Secretaria de Agricultura e Abastecimento – Paloma Minke

Compartilhe: