Franca terá um dos maiores meliponários do Brasil

Franca terá um dos maiores meliponários do Brasil

17 de novembro de 2015

Com um forte trabalho na criação de abelhas e produção de mel, Franca está prestes a consumar a instalação de um dos maiores meliponários públicos do Brasil, cujas primeiras colônias, com cerca de 90 unidades, já estão instaladas e ocupadas por espécies sem ferrão no Jardim Zoobotânico. A previsão é completar o lote com mais 300 unidades em breve, possivelmente, com inauguração durante o 6º Seminário de Meliponicultura, que está sendo preparado pela secretaria de Desenvolvimento.

O prefeito Alexandre Ferreira transmitiu a notícia e destacou que um lugar apropriado foi encontrado no recinto do Jardim Zoobotânico. Ali, em situações normais com chuvas regulares e floradas, elas encontrarão sua alimentação. A meta é reunir nesse ambiente em torno de 11 espécies, todas sem ferrão e nativas da fauna brasileira.

Os investimentos feitos na construção e instalação do meliponário municipal são originários do Fundo Municipal do Meio Ambiente, observou o biólogo e professor Célio Rodrigues Pereira, da Secretaria de Desenvolvimento. Ele esclarece que os muitos enxames que, atualmente, são recolhidos na área urbana, sendo espécies sem ferrão, já estão sendo encaminhados para as colônias do Zoobotânico.

“Teremos espécies como a jataí, uruçu e mandaçaia. O desaparecimento das abelhas no mundo desequilibra a natureza e traz prejuízos para a agricultura”, afirma Rodrigues.

Ganhos ambientais

A estruturação do meliponário tem também o objetivo de tornar o local um atrativo para visitas, estudos e pesquisas de alunos e professores.  No Zoobotânico, a Prefeitura já mantém um Núcleo de Educação Ambiental, que acolhe visitantes, periodicamente.

A primeira produção das abelhas já instaladas nas colmeias deve ocorrer no ano que vem. Outra intenção, a médio prazo, com o incremento da produção de todo lote com quase 300 colônias, é fornecer matrizes para os proprietários rurais para que também possam ter seus espaços com esse tipo de abelha. Com isso, há incentivo à proliferação das espécies na cidade e região.

Seminário

O 6º Seminário de Meliponicultura, que será realizado no Parque de Exposição Fernando Costa e no próprio Zoobotânico, em dezembro, terá atividades práticas e teóricas. O evento reunirá especialistas e criadores de várias partes do País, entre os dias 11 e 12. A programação detalhada está sendo concluída e será divulgada nos próximos dias, com inscrições gratuitas para quem desejar participar dos cursos e oficinas no Parque Fernando Costa. Mais informações no telefone (16) 3711-9483.

Fonte: Estilo AP e Portal GCN

Compartilhe: